Quarta-feira, 1 de Abril de 2009

BIE ALEX

 

 

 Hoje finalmente apercebi-me que nunca tive nome, as pessoas simplesmente chamavam-me e eu ia...
mas também hoje me apercebi de que era suposto chamar-me Mónica, de que era suposto ter 24 anos, de ter uma história...
e não tenho história nem sequer pequenas "estórias" de mim que queira contar... porque o ontem não passa de uma ilusão (a doce ilusão da criança que sem piadas para sorrir, inventa-as), e sou apenas o agora...
 Hoje sou eu, Mónica segundo consta, 24 segundo a soma dos dias o assume, mas já não sou a tua apaixonada, já não sou a resmungona nem a sorridente, já não sou o "saco de batatas satânico", Alexandre... já não sou a tua radical extremista... Estupidamente hoje sou sem ser, não passo de um rosto atónito, aflito, suícida, alegre para não ser triste, sou um corpo que anda de lá para cá e de cá para lá sem andar por parte alguma, hoje e antes de hoje e depois de hoje faço tudo o que não gosto, estou com pessoas que me são totalmente alheias, estou em sítios tridimensionais... e assim estou, sem nunca estar... não vivo, sobrevivo com as estúpidas memórias de ter sido feliz... Naquele tempo, em que vivias , e eu também vivia... eu era feliz sem saber... era mais forte, era mais fria, era mais distante... era a Mónica António,sabes, aquela de quem todos cochichavam porque era rude e antisocial e no fundo falava com todos os que me interessavam e mandava à fava todos os que
para mim tinham de ir à fava... naquele tempo tu sorrias e eu estupidamente também sorria...e estupidamente sorria verdadeiramente... hoje esforço-me...

 Hoje sei que sou o hoje, porque amanhã já não serei isto, serei esse novo hoje...porque amanhã este hoje será o ontem  (que farei por apagar em mim) mas também não serei o amanhã, porque o amanhã pode ser muito longínquo, mas
simuultâneamente pode ser tão efémero... e vou-te contar um segredo, assim posso morrer... porque me perpetuei no hoje, sem passado nem futuro... apenas o agora, enquanto respiro, enquanto o cérebro funciona, enquanto o coração pulsa...enquanto morta psiquicamente, viva físicamente... assim posso  morrer sem medos, não é?...

P.S- se houver de facto o paraíso, inferno e limbo... por-favor fala aí com o teu Deus e tenta convencê-lo de que não fui tão miserável como parece... não lhe peças o céu (senão quebro-o), não me queiras esturricar... mas não me mandes para um limbo eterno sem condições (pede-Lhe só um cantinho "semi semi",
... vai pedindo, sem pressas, mas não te esqueças porque nunca se sabe quando o hoje acaba na clepsidra da existência

Beijos, fantasma da Mónica António (2003)


publicado por uriel_arcanjo às 15:38
link do post | favorito
Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 2 seguidores

.pesquisar

 

.Abril 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. dias

. GOOD BYE

. GOING ON

. ...

. ...

. ...

. LIMBO_DARK ANGEL

. RETRATO FERNANDO PESSOA

. PERSPECTIVAS

. LUAR

.arquivos

. Abril 2011

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

.tags

. todas as tags

.favoritos

. Entre canibais

. my little sweet love

.participar

. participe neste blog

SAPO Blogs

.subscrever feeds